Todos os Detalhes

Vinícola Peterlongo
Vinícola Peterlongo
Vinícola Peterlongo
Vinícola Peterlongo
Vinícola Peterlongo
Vinícola Peterlongo
Vinícola Peterlongo
Vinícola Peterlongo
Vinícola Peterlongo
Vinícola Peterlongo
  Vinícola Peterlongo
  Sede da Vinícola
Garibaldi (RS) (Brasil)
  FUNDAÇÃO
1915
  PROPRIETÁRIO
Família Peterlongo
  NA INTERNET
Clique para visitar
  EXPORTAÇÃO

Atualmente, a marca Peterlongo já é a segunda maior exportadora do segmento, estando presente em países como Colômbia, Paraguai, Bolívia e China.

  SOBRE

Desde sua fundação a Peterlongo preocupou-se não apenas em manter o mesmo método de elaboração do champagne usado pelos franceses, mas também com as condições de produção e armazenagem da bebida.

A construção segue os padrões da região de Champagne, na França, e suas instalações incluem uma residência em forma de castelo e uma cave subterrânea de 10 mil m². Toda em pedras basalto, a cave baseada nos moldes franceses, mantém constante a temperatura das garrafas em todas as estações do ano.

Com o decorrer dos anos, a cave foi sendo ampliada para poder acompanhar o crescimento da produção de champagnes Peterlongo.

A Vinícola Peterlongo está localizada na Serra Gaúcha, na cidade de Garibaldi, conhecida como a Capital Nacional do Champanha. Suas instalações e a qualidade das bebidas que produz, atraem visitantes do Brasil inteiro e também do exterior. Todos ávidos por conhecer e degustar o primeiro e único champagne do Brasil.

1º Champagne - Direito Garantido ao termo no Brasil
Contrapondo-se à proposição de que o termo champanhe somente possa ser usado na região de Champagne, na França, a Vinícola Peterlongo obteve, através do Supremo Tribunal Federal, direito à utilização e divulgação do nome na apresentação de seus produtos.

Essa prática ocorre desde 1913, quando a vinícola iniciou seus trabalhos. Após um processo movido por uma empresa francesa, a Peterlongo obteve judicialmente o direito ao uso do termo de acordo com a lei 78.835.

  HISTÓRICO

Em 1913, Manoel Peterlongo, imigrante italiano que chegou ao sul do Brasil em 1899, começa a dedicar-se ao sonho de produzir champagne no país que o acolhera. Naquela época, elaborava-se a bebida conforme os ensinamentos do abade francês Don Perignon, ou seja, pelo método chamado Champenoise. Seguindo à risca este processo, Peterlongo inicia a elaboração do primeiro champagne brasileiro e, em 1915, funda o Estabelecimento Vinícola Armando Peterlongo S.A. O nome foi uma homenagem ao primogênito da família.

Desde o início, a Peterlongo teve sua trajetória marcada por exemplos de pioneirismo e ousadia. Foi, por exemplo, a primeira vinícola brasileira a empregar mão-de-obra feminina e, na década de 30, com a instauração das leis trabalhistas, Armando foi o primeiro empresário da região a pagar o salário mínimo aos seus operários.

Com a excelente aceitação do produto no Brasil, a vinícola amplia as vendas para o mercado externo. Em 1942, a Peterlongo faz sua primeira exportação para a rede de varejo Macy’s, em Nova York.

A elegância do 1º Champagne do Brasil aliada ao seu alto padrão de qualidade tornaram a marca Peterlongo obrigatória em solenidades oficiais, batismos de navios e aviões. A bebida estava sempre presente em banquetes oferecidos pelo governo Getúlio Vargas e foi elogiada até pela rainha da Inglaterra, Elizabeth, ao visitar o Brasil.

Hoje com 100 anos, a Vinícola Peterlongo é referência no cenário vitivinícola nacional e modelo de pioneirismo e de amor à cultura da uva e do vinho. Além da excelente aceitação de seus produtos no mercado brasileiro, a Peterlongo vem conquistando cada vez mais a preferência do consumidor em diversos países.

CONHEÇA OS VINHOS
TEMOS CADASTRADOS
Venha conhecer os vinhos da Vinícola Peterlongo com a gente!
Veja as Fichas